sexta-feira, março 28, 2008

terça-feira, março 25, 2008


Tô trabalhando nuns contos e não tô com muito saco pra postar algo decente por aqui. Mas já já atualizo meu outro blog, o PIOR QUE MAIONESE. O PIOR QUE MAIONESE, pra quem não tá ligado, funciona mais num esquema jornaleco-podre-gonzaga aqui da roça, abordando delírios e banalidades presentes em RIO CRARO.

***

Van Gogh, Cottage

terça-feira, março 18, 2008

EM BREVE SHOW DO GARRAFA VAZIA NO PARADA OBRIGATÓRIA



Essa aí é a tradicional preza do Parada Obrigatória. A certeira porção de calabresa + alface que o Alvinho prepara pra rapaziada frequentadora do buteco.

Não preciso dizer mais nada sobre o Parada Obrigatória; que é o melhor bar de Rio Craro, que ainda por cima fica na Rua 1, e o caralho a quatro etc e porra. Apenas aviso aos trutas, conhecidas e pedreiros da área que o Garrafa Vazia fará uma exclusiva apresentação no Parada. É. Isso mesmo. Lembrando que o Garrafa Vazia é um grupo de pseudomúsica afrocelta com ênfase na ópera punk de senzala.

Será no domingão, após o frango assado, antes de mais um jogo do Paulistão, o Garrafa Vazia estará tocando seu sucessos lá pelas 15:34 hrs. Em breve mais informações do rolê aqui no Vozerio do Inferno.

Aopa, só isso.


sexta-feira, março 14, 2008

CAIPIRA INVANSION II


A segunda parte da saga de Lemão Cachaça e Zé Corre foi as pampa. Zé Corre, como de praxe, soltando anedotas série B: "Porque o Rambo não pode ter filhos? Porque o Sylvester Stalone". Dessa vez mão encontramos a Sônia Lima nem o Nelson Ned, mas tá de boa.

Agora é a hora jpg, o recreio das gravuras reais do fotorolê.



Muito engenhoso


Ao lado da suíte presidencial





CAIPIRA INVASION II - BOITE DO ZÉ

quarta-feira, março 12, 2008

LEMÃO CACHAÇA descansa em Sum Paulo


Lemão Cachaça é cumpadi do Nelson Fun. Nelson Fun anda meio esquecido aqui no Vozerio do Inferno, mas ainda tá na ativa. E falo do Lemão Cachaça porque ele tava na rota hoje. Na rota da famosa tranquilidade de não esquentar a moringa pra nada.

Vocês imaginem só, Lemão Cachaça e Zé Corre perambulando tranquilos por Sum Paulo. Lemão Cachaça e Zé Corre, ano de Eurocopa, março de 2008. A Caravan 84 deslizando soberana, Zé Corre hábil no volante - Gérsão Copa de 70 - o tempo sublimado talvez como mais uma contingência extra-carniça. É. E o refrão farofa de hoje poderia configurar-se como a espera do próximo gole num buteco tranquilo em Rio Craro, cinco reais na mão e um fiado providencial no verbo.

Beleza. Papo furado game over.

Foda-se, vamos então aos destaques do fotorolê por Sum Paulo. (invasão caipira, round one)





Quer viajar com segurança? Vai de Reni's.






Ao fundo o monumento destinado aos paraquedistas campineiros

Compatriota do Sebastião Casa Grande em momento aperitivo

OUVINDO HARDCORE E LENDO ESCRITORES BRASILEIROS E DO TIO SAM

As pessoas estão sem coragem.  As pessoas brincam verbalmente nas redes sociais perpetuando o lado cômodo da vida.  Já é uma bela bos...