Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2009

RECEITA DA PANQUECA MALUCA DO TIO TETÃO

Boa tarde pessoal, o Tio Tetão anda me enchendo o saco. É que ele quer que os leitores conheçam sua panqueca maluca. É mole? Haha, sussega Tio Tetão.
Bom, mas aí vaí: o primeiro lance é colocar pra rolar na vitrola Let's talk about girls do Undertones. Feito. Daí o esquema é o seguinte:

"O CINEMA DÁ UMA CARTEIRINHA DE INTELECTUAL PROFUNDO"

Em "A MENINA SEM ESTRELA", escreve Nelson Rodrigues: "Ainda ontem dizia o Otto Lara Resende: - 'O cinema é uma maneira fácil de ser intelectual sem ler e sem pensar'".

BACANA NEWS ESPECIAL: MÚSICA!!

BACANA NEWS APRESENTA: O OVO

INCRÍVEL!!!!

OUÇA A CRÁSSICA "CIRROSE", HINO DO BAD BAD TRIP

Tô indo agora pra chácara, lá em Santa Maria da Serra. Enxada Blues. Alavancadas sorridentes alma afora, fera. Aopa.
Tô indo agora prum lugar totalmente tranquilóvisky. Vamos abrir espaço no big mato pra piscina ninja que vem aí. Durante o passeio, que tal umas fotos? Pode ser. Tá certo.
E pra animar a quarta-feira, que já é mágica e adequada, um vídeo do GARRAFA VAZIA tocando a crássica "CIRROSE."
Um abraço a todos os amigos leitores.

MAIS UM ENSAIÃO DO JANELA 35

Domingão foi mais um dia de ensaio. E que barulheira fodida: o Janela 35 segue sua caminhada - firme e forte - cada vez com mais energia e feeling.
Nosso set list cresce em qualidade e punch, tá foda demais rolar um rock and roll com essa rapaziada. É nóis, macacada. E como diria o Moacir: "sobrevive aí Marião, que por pelo menos dez anos vamos continuar fazendo o rock, compondo e quebrando tudo junto." É isso mesmo.
Vancile, Mariones, Japa Mão-de-Ferro e Moacir: Janela 35

KID OTA

DOMINGÃO COM SERESTA RÓQUE

Após o mescradão, a praça do centrão, as latas e a nova coletânea com Down e seus asseclas, o esquema agora será ensaiar com a rapaziada do Janela 35, lá em Piracicaba. fdskj43920ejiw""!!!!

SÁBADÃO 3 - MORTE E DESTRUIÇÃO

Quero uma dose violenta de cachaça - sete janelas do hospício me trazendo maionese bélica oito enceradeiras mágicas, oito! flutuando em power chords são agora dois acordes, guitarra velha explodindo falcatrua sem miséria garçom de merda, mais pinga mais pinga, coritibano desgraçado
Quero uma virose vinda da pinga, é o novo viola minha viola Porra, sete janelas cuspindo no porão do Itororó do Sul Anota aí Casão: quatro pichações itinerantes na rodoviária de Cordeirópolis Nada de Apracur. Nada de dormir, comer, roncar. Nada de imbecilizar os outros. Quero imbecilizar o fígado de cerva, cachaça e fossa punk. Porra, traz mais cachaça aí Elizabeth.

BOCA DE CAÇAPA JOURNEY

Taí: a sexta foi na horizontal. Capote. Sono. Horário do ronco. Embaçado? Neca. Nem. Foi bão. Recuperar as energias é saudável,principalmente quando se tem arriscado uns pileques pela manhã na roça.
E o passeio pela rua 8 tem sido formidável. As manhãs são radiantes, o ar é fresco sem ser cuzão. E a fauna? É tranquila. O céu cresce extraordinário. Agora descomunal mesmo é a sintonia sambarilóvi da Máfia da Alegria. Um salve ae rapaziada.Tem as tiazinhas biscates dasantiga também, só que do outro lado da rua. Batalhando, é isso ae.
Quando chego no Frolini o passeio está completo: vamos até a geladeira conferir latas geladas. Pronto. Com oitocentos goles em cascata se faz poesia rural decente.

sexta braba o caralho

E hoje o esquema vai ser colar lá no Overnight pra ver a banda do Saulo, do Toco e do Samuel - O Cheiro do Ralo. Vão tocar também mais duas bandas de Campinas - uma delas com um nome engraçado: Capim Maluco. Morre cincão, então já élvis. É nóis. E agora de manhã rola uma barulhera no quarto, pra variar. Cheers.

ACRÍLICO BLUES

Ramones cover é pior que Ramones cover. Mas isso foi sábado. Hoje já é quarta. LEGAL. Tô indo agora lá pra Santa Maria da Serra, dar um trampo na chácara. A gente se fala meu povo. Aquele abraço com gosto de cachaça velha.

REMOER NA PRAÇA DA MATRIZ

Lá estava ele, sentado, o Alfredo, fazendo hora na praça da Matriz. Quando se levantava e ficava em estado natural não contava com a estatura de um mamute. "Meu coração é de carne crua", repetia, ocioso. Os ombros largos apareceram aos quinze anos. As pálpebras pareciam o Maracanã acolhendo Bangu e São Cristovão, triste, tolamente triste. Comia pães tristonhos por isso, e por nada.
Como se adivinhasse que a menina que lhe cruzava a direção perguntaria que horas eram, reclamou: "não tenho cigarro, nem relógio". E aí ela se foi, pernas firmes, coxas sedutoras. Sou doente ou imbecil, Alfredo angustiado peidava. Os véus do futuro são uma caralhada de cocô de gato velho.
Antes de ver o rosto que jamais esqueceria, sentiu o enorme borrão estufar a cueca, bem lentamente. Começou a praguejar e vomitar para o céu, as sombras permaneciam mais longas, o rosto era tingido de vermelho, sua velha mãe - então sentiu os tímpanos estourarem. Tremeu, a merda escorria pelas finas ca…

SÁBADÃO NA ROÇA

No condado do tédio, duas perspectivas sÓlIdas insólitas: tricolor atropelou mais um - e logo mais rola um ramones cover pra sussegar a alma da caipirada. Rolê cardíaco agradável, blues caracu aceleradão no tapete de pedra, sem firula. Aopa.
E é claro que a rapaziada vai se reunir pra virar todas e mais tantas outras. Frigideira Cramps animando o fígado. Onze horas começa a febre da bizarrice coletiva sambarilóvi.

LIGAÇÕES CONTURBADAS

Paulo Ricardo é o David Coverdale. David Coverdale já subiu no palco com Pepeu Gomes. Pepeu Gomes teve uma música sua gravada pelo ex-goleiro corinthiano Ronaldo - que era pior goleiro que o sãopaulino Zetti, que ouvia muito AC/DC.

SUTIÃ AGRADÁVEL

O microondas desligou e eu acabei de descobrir que esse é o único barulho vindo da cozinha do nosso apartamento pequeno. Então eu me levanto.
Vejo mamãe limpando alguns fiapos de macarrão que lhe escorre por todo o buço. Apesar desse ggesto soar familiar, não fico particularmente feliz. Tudo bem. Dou um pulo rapidinho no banheiro pra enxaguar a minha boca com o anti-séptico novo que o tio Douglas me deu de presente - o bafo da manhã é pior que uma love song do Aerosmith.
Ai, meu Deus, o meu cabelo. Chapinha nele, já! Tenho que fazer bem rapidinho! No bad hair day again! Yeah!
Eu caminho sobre o bonito piso de madeira e estou na sala de jantar. Não acho minha chave! No pote de café não está! Aí, a cozinha podia estar limpa e vazia, odeio migalhas!
Queria ter um ótimo apartamento no Guarujá, ou em Búzios. Ou quem sabe uma casa, é. Uma casa pra passar os finais de semana. Não, não preciso de silicione. Besta, É CLARO QUE PRECISO! Xiu...
Não consiga prestar a atenção na aula. Odeio Geografia.…

JANELA 35

A rapaziada pediu e aí vai: mais algumas fotos tiradas pelo Frankin no último rolê do Janela 35


o parceiro Ramonis Satanás, Kamila e seu marido Frankin


INSÔNIA SEM SUSPENSÓRIO

Nove da matina e nada de sono. South Park, algumas leituras e lanternas em olheiras série tradition. Sem mais clichês, sem mais oxigênio para peidos da consciência cansada - de sono, não precisando de muletas bélicas com motivos, com guarda-chuva ou paçoca. Espirros? Nenhum. Não há pernilongos na varanda. Os olhos não se vão? não? Tá na hora, nessa de fechar agora. Embora o corpo frite feito bife velho, de boi beldo - vira aqui e ali, sem mais clichês por hoje, a cortina do ronco triunfará.

JANELA 35 NO TARANTINO BAR

Mariones, Moacir, Japa mão de ferro na batera e Vancile: JANELA 35

E rolou um barulho foda lá no Tarantino, em Campinas, na última quarta-feira. O Janela 35 fluiu com muito rum, punch e feeling grunge - e o sonzão subiu ainda mais nervoso, do caralho. Um grande abraço aos saudosos amigos que apareceram por lá. É nóis.


(Abaixo Moacir botando pra fuder com o vocalzão grunge presença que lhe é de praxe)


















Vancile destruindo mais uma vez, pra variar: feeling & punch pós page-beck , com suas inimitáveis microfonias extra-psicodélicas

É NÓIS

E hoje o esquema vai ser tombar um monte de goró pra ver o time do Dunga encarar a Argentina. Acho que vou ver o jogo lá na casa do Danilão, tem um bar lá perto que a Glacial morre por R$1,60 a garrafa. Tô meio zuado ainda, fui dormir dez e meia da matina, tomei umas e outras na feira (é lógico que fui buscar um pastel na barraca da família japonesa, de praxe) mas vou ficar mais zuado ainda. Tá rolando um Ramones e a coisa vai ficar punk. Por isso, vou apresentar uma incrível letra que compûs pro Bad Bad Trip:

OUTROS ROLÊS (Mário Mariones)
eu não gorfei nem vomitei na casa do Zé Bucetão
não me mijei nem me caguei na casa do nerd da Ciência da Computação
eu apenas urinei no seu bujão de gás eu apenas urinei no seu bujão de gás
ESTRIBILHO:
tomei uma bala achei uma bosta assim que é bão quando se sabe o que não gosta

É nóis. Pra quem ficar sóbrio, veja o vídeo do Raul trêbado tocando no "colégio Objetivo". Aopa.

JANELA 35 NO TARANTINO BAR

E hoje o Janela 35, minha outra banda, vai rolar um som em Campinas, no Tarantino. Quem quiser tomar umas por lá, demorou. Lá pelas onze da noite tamos subindo no palco pra destruir o ambiente. É nóis.



Endereço:
Rua Padre Almeida, 231 - Cambui, Campinas -SP

COMO RESPONDER A UM NOVO SMS DO BRADLEY

Você é talentoso, Bradley, disse ele, modéstia não é meu forte, rompeu Bradley, sujando a lousa. A hipótese de governar o universo me apraz, arriscou Bradley. Bradley, disse ele, estou confuso, pare de "ser assim". ASSIM FILHO DA PUTA! Sou autosuficiente, elegante e beberrão, business, explodiu Bradley, ainda sujava a lousa. Bradley foi embora pra Jerusalém. Bradley, Bradley, você é mais capaz que a maioria das pessoas.
No dia seguinte, Bradley decorou as paredes do novo quarto com desenhos de seringas. Não são truques, são seringas, certificou-se fazendo a quarta antes de fazer a sesta. Reduz o risco cardíaco. Relaxa. Hoje minha pressão anda alta, sa-be como é, quinze por nove...entregou minha psiquiatra, meio de mau humor. E assim muitas franjas e decotes fizeram um look street cool na telinha ligada, chuviscando o novo banheiro do Bradley. E de quem mais? E do animal, O GATO FEZES. Era a vez da Gazeta, ah, investir na beleza da mulher. E Bradley disparou peperone no ouvido d…

BACANA NEWS - VERSÃO LET IT SLIDE

Pinguinha Sabinato está internada há onze dias no Hospital Fezes, na unidade em Pastosas, grande Santa Gertrudes. Na última quinta-feira, dia 20, ela estava gravando seu playlist no ipod, quando começou a ter louros calafrios no abdômen. Quem se importa? Opa, era pra escrever "informou a assessora drogada de imprensa dela, Pinguinha.***Beba água normal numa xícara de café. Água do rio, CLARO. Limpa. Feita no filtro. Fera. Filtrei.***